Saltar para o conteúdo

Sporting da Horta e Vitória FC enfrentam dificuldades

Sporting da Horta e Vitória FC vivem dias difíceis

As dificuldades financeiras que se vivem em Setúbal estão a colocar em risco a sobrevivência da equipa de andebol. Já na Horta as dificuldades nas deslocações ao continente estão a por em causa os resultados desportivos.

O Vitória Futebol Clube vive tempos de incertezas. Em comunicado a secção de Andebol revelou que o presidente do clube, através de uma mensagem, informou que não têm qualquer solução à vista para o andebol.

Tendo em conta a falta de soluções da direção do clube, a equipa sénior expressou toda a  sua  preocupação face à situação que o clube vive e que podem ver-se forçados a abandonar o projeto de forma a procurar alternativas que lhes permita fazer face ao seu orçamento familiar.

Pode ler-se em comunicado que “ tendo em conta a falta de soluções, o projeto do Andebol do VFC e por consequência a continuidade da secção de andebol, pode estar comprometida;”

Sporting da Horta e Vitória FC vivem dias difíceis

Quem também está a atravessar problemas é o Sporting Club da  Horta. O clube tem grandes dificuldades em apresentar jogadores nas deslocações até ao continente face às novas medidas da  Autoridade de Saúde Regional.

O treinador revelou que devido a estas novas regras ficou retido em Lisboa juntamente com um jogador e que apenas foi possível estar presente em dois treinos durante a semana o que condicionou toda a preparação do jogo frente ao Belenenses.

O Sporting da Horta deslocou-se até  Belém no fim-de-semana apenas com nove jogadores e acabou mesmo por perder por 31-28.

Tiago Cunha explicou que o clube encontra grandes dificuldades em apresentar atletas que possam jogar devido às restrições nas viagens que não param de aumentar.

O técnico do clube disse  ainda que no Sporting da Horta  os resultados desportivos passaram para segundo plano, pois as autoridades regionais estão a fazer tudo para parar o desporto nos Açores, não se esforçando para encontrar novas soluções para que as deslocações da equipa sejam possíveis sem causar impacto no planeamento da semana de trabalho.

Partilha nas Redes Sociais!

Deixe um comentário





Interessado em impulsionar o Andebol?

O principal objectivo da 7M é promover o Andebol, tanto a nível Nacional, como Internacional, seja Feminino ou Masculino.

Beatriz Frade

Membro da equipa desde 2020, a Beatriz é licenciada em jornalismo pela Universidade Católica. Procura construir os alicerces de uma futura carreira como jornalista desportiva, conciliando o melhor dos dois mundos: a escrita e o desporto.