Saltar para o conteúdo

Euro 2022: Islândia leva a melhor

Portugal entra a perder no EHF Euro 2022

Não começou da melhor forma a caminhada portuguesa no EHF Euro 2022. Os “Heróis do Mar” saíram derrotados do embate contra a Islândia (28-24) e encontram-se numa posição delicada no Grupo B.

Portugal marcou primeiro, por intermédio de António Areia, e manteve a disputa equilibrada durante os minutos iniciais do encontro. As duas equipas trocavam lideranças e os adeptos na MVM Dome, em Budapeste, assistiam a empates sucessivos.

No entanto, tudo começou a mudar a partir da marca dos 20 minutos, altura em que a formação escandinava aproveitou da melhor forma o desnorte ofensivo do conjunto luso e se distanciou no marcador, chegando aos quatro golos de vantagem em cima do intervalo (14-10).

Portugal entra a perder no EHF Euro 2022

O segundo tempo manteve a mesma toada. O ataque português continuava a mostrar muitas dificuldades no ataque à baliza adversária e os erros sucediam-se, ora por perdas de bola, falhas técnicas ou remates falhados.

A Islândia dominava os ritmos de jogo, controlando as investidas lusas e castigando os erros portugueses, e com 45 minutos jogados o marcador assinalava 23-17 para a equipa do norte da Europa. Os comandados de Paulo Jorge Pereira ainda conseguiram reduzir a diferença, mas no final o resultado firmou-se nos 28-24 que colocam Portugal em último lugar do grupo B, em igualdade pontual com a Hungria, que saiu derrotada do embate contra os Países Baixos.

Rui Silva e Victor Iturriza foram os melhores marcadores do lado português ao terminarem com quatro golos cada.

Dificuldades na preparação para o Euro e olhos postos na Hungria

No final do encontro o selecionador nacional português destacou a fadiga sentida pelos jogadores como um fator importante. Portugal teve muitas dificuldades na preparação para o Euro e foi obrigado a realizar treinos individuais para diminuir os contactos de risco:

“Há uma série de coisas que é preciso trabalhar, ainda por cima de nós estarmos com formato físico diferente do habitual. Não quero entrar em pormenores, mas temos malta que não está fisicamente pronta para um jogo de alta intensidade, neste momento. Esperemos que ao longo da competição [EHF Euro 2022] nós consigamos melhorar um pouco mais essa competência, esses fatores físicos e depois também fatores táticos e estratégicos que lhe estão associados”

Fábio Magalhães, que terminou com três golos, garante que a seleção vai refletir sobre os erros cometidos, mas que amanhã estará concentrada no jogo com a Hungria, marcado para domingo (17 horas), a contar para a segunda jornada da fase de preliminar do EHF Euro 2022.

Estes primeiros momentos vão ser de reflexão, de falarmos uns com os outros sobre o que correu bem e o que correu menos bem e vamos ter que conseguir ultrapassar isto. Amanhã é outro dia e já temos outro jogo para preparar. Somos jogadores muito experientes, por isso, tenho certeza que amanhã não esquecemos, porque temos que lembrar as coisas más para as corrigir, mas já estaremos complemente focados na Hungria”

Partilha nas Redes Sociais!

Deixe um comentário





Interessado em impulsionar o Andebol?

O principal objectivo da 7M é promover o Andebol, tanto a nível Nacional, como Internacional, seja Feminino ou Masculino.

Leonardo Bordonhos

Membro da equipa desde 2018, o Leonardo concilia as posições de Diretor de Redação e Redes Sociais da 7Metros. Ganhou o gosto pelo andebol quando começou a praticar a modalidade no Almada AC, e desde então procura fazer crescer o desporto em Portugal. Licenciado e Mestre em jornalismo desportivo, podem acompanhá-lo no Twitter: @leo_bordonhos