Saltar para o conteúdo

Portugal 38-14 Luxemburgo: Entrada com o pé direito na pré-qualificação

Portugal 38-14 Luxemburgo: Entrada com o pé direito na pré-qualificação

A Seleção Nacional feminina enfrentou, esta quinta-feira, o Luxemburgo no primeiro jogo do torneio de pré-apuramento para o EHF Euro 2022. No encontro realizado em Pristina, no Kosovo, a equipa portuguesa confirmou o seu favoritismo e venceu com um resultado expressivo de 38-14.

Os primeiros minutos da partida foram relativamente tranquilos para a seleção portuguesa, que começou desde cedo a afirmar-se no marcador. Aos dez minutos, o placard apresentava um resultado de 6-3, mas já eram visíveis alguns problemas técnicos e táticos que se vieram a destacar nos momentos seguintes do encontro. Algumas precipitações no ataque e uma certa passividade defensiva resultaram no empate a seis bolas da equipa do Luxemburgo antes do quarto de hora de jogo.

No entanto, as correções efetuadas na defesa em conjunto com a melhoria da equipa portuguesa na zona ofensiva resolveram a maioria dos problemas da seleção nacional. A partir desse momento, a vantagem no marcador foi-se dilatando progressivamente. Sendo que ao intervalo o marcador apontava 18 golos marcados e dez sofridos. O destaque do primeiro tempo foi Carolina Monteiro que, com uma consistente exibição defensiva e cinco golos marcados, contribuiu muito para o parcial positivo de Portugal nos primeiros 30 minutos.

Portugal 38-14 Luxemburgo: Entrada com o pé direito na pré-qualificação

Depois do intervalo, as falhas defensivas da equipa portuguesa desapareceram quase por completo. As adversárias luxemburguesas conseguiram concretizar apenas quatro remates, durante toda a segunda parte, o que demonstra a excelente prestação defensiva de Portugal, na segunda meia hora de jogo. Mas não foi só na defesa que a equipa lusa apresentou melhorias, já que no ataque também se mostrou mais paciente e assertiva, conseguindo chegar à marca dos 20 tentos na segunda parte.

No regresso à quadra, a seleção lusa fez cinco golos sem resposta com apenas cinco minutos disputados. Esse panorama favorável manteve-se até ao fim do encontro, que terminou com um resultado final de 38-14 e um parcial de 20-14 no segundo tempo. Patrícia Lima fez cinco golos e foi considerada a melhor jogadora portuguesa do encontro. Do outro lado, Tina Welter foi a melhor marcadora, com quatro golos, e a melhor jogadora do Luxemburgo.

No próximo jogo, disputado amanhã pelas 16h, a seleção portuguesa terá como adversário o Chipre. No sábado, para terminar esta fase de pré-qualificação para o Europeu de 2022, Portugal vai enfrentar o Kosovo, naquele que se antevê como o encontro mais difícil deste torneio.

Partilha nas Redes Sociais!

Deixe um comentário





Interessado em impulsionar o Andebol?

O principal objectivo da 7M é promover o Andebol, tanto a nível Nacional, como Internacional, seja Feminino ou Masculino.

Andreia Morais

2º ano da licenciatura em Ciências da Comunicação. Redatora na secção de desporto no jornal académico: ComUM. Atleta de andebol desde 2016.