Saltar para o conteúdo

Porto com nova derrota pesada na Champions

Porto com nova derrota pesada na Champions

Foi num Dragão Arena composto que o FC Porto recebeu o PSG na 8.ª jornada da fase de grupos da EHF Champions League.

Depois de um jogo de má memória para os “dragões” em Paris (derrota por 33-19), os campeões nacionais entravam para esta partida com o objetivo de mudar a imagem que ficara na última jornada, mas o seu adversário tinha outros planos.

O PSG entrou a todo o gás, castigando os erros portistas com uma eficácia de assinalar, e não demorou até Magnus Andersson pedir um tempo técnico de forma a tentar travar a progressão do seu adversário. A pausa provocou algum efeito, mas foi sol de pouca dura. Os visitantes voltaram a aumentar o ritmo e ao intervalo venciam por oito golos, 23-15.

Porto com nova derrota pesada na Champions

O intervalo não alterou o ritmo da partida. Ivan Sliskovic e Pedro Cruz apresentavam-se como os mais esclarecidos no momento da decisão, mas as grandes dificuldades do emblema luso apresentavam-se na defesa, com Kamil Syprzak (nove golos) e Nedim Remili (sete golos) a causarem estragos.

A diferença no marcador foi dilatando com o aproximar do final e firmou-se nos nove golos quando a buzina soou pela última vez. O PSG saiu com o triunfo por 39-30, num embate em que Vincent Gerard (12 defesas), voltou a fazer a diferença.

Os “azuis-e-brancos” voltam a entrar em campo na próxima quinta-feira, dia 2 de dezembro, frente ao FC Barcelona, na Catalunha.  

Partilha nas Redes Sociais!

Deixe um comentário





Interessado em impulsionar o Andebol?

O principal objectivo da 7M é promover o Andebol, tanto a nível Nacional, como Internacional, seja Feminino ou Masculino.

Leonardo Bordonhos

Membro da equipa desde 2018, o Leonardo concilia as posições de Diretor de Redação e Redes Sociais da 7Metros. Ganhou o gosto pelo andebol quando começou a praticar a modalidade no Almada AC, e desde então procura fazer crescer o desporto em Portugal. Licenciado e Mestre em jornalismo desportivo, podem acompanhá-lo no Twitter: @leo_bordonhos