Saltar para o conteúdo

Elverum 31- 38 FC Porto: Heróis

Elverum_FCP_site

O FC Porto venceu o Elverum na 14.ª e última jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões de andebol e assegurou o quinto lugar no grupo B.

As lágrimas no rosto de Victor Iturriza e de Rui Silva, mostravam que este era o jogo mais difícil das suas vidas. Passados poucos dias desde a morte de Alfredo Quintana, os jogadores do Porto procuravam homenageá-lo da melhor forma, num jogo de Liga dos campeões, sem um grande campeão, Alfredo Quintana.

Os minutos iniciais foram pautados por equilíbrio, com Thorsten Fries a fazer grandes defesas e a fechar a baliza, o que permitia que a equipa norueguesa saísse rápido para o ataque a procurar surpreender a equipa portista.

Ao minuto 11, Magnus Andersson, parava o jogo com o primeiro time-out da partida. O Porto ouviu o seu treinador e catapultou para a frente do marcador, através de um livre de sete metros cobrado por António Areia que colocava os dragões com dois golos de vantagem.

Elverum 31- 38 FC Porto: Heróis

A equipa portista melhorava a sua eficácia em termos ofensivos, com um belo desempenho da 1ª linha, a melhorar com a entrada de Miguel Martins a mostrar-se em grande nível, o que permitia ao FC Porto recolher aos balneários com uma margem confortável no marcador de 11-16.

Na segunda parte, Miguel Martins continuava em grande destaque assim como Diogo Silva com uma bela execução a fazer o 16-22.  O Elverum  aproveitou  a inferioridade numérica do Porto, e conseguiu um parcial de 4-0 e reduziu assim a diferença no marcador, quando Luc Abalo reduziu para 24-27. Nos dez minutos finais destaque para Mitrevski, que voltava a negar livre de sete metros na equipa norueguesa.

Até ao final, Magnus Andersson lançou o jovem guarda-redes de 16 anos, Diogo Rema.

Sem margem para dúvidas, o FC Porto voltou a vencer na Liga dos Campeões e terminou o grupo A no quinto lugar e marca encontro nos oitavos de final com o Aalborg da Dinamarca.

Partilha nas Redes Sociais!

Deixe um comentário





Interessado em impulsionar o Andebol?

O principal objectivo da 7M é promover o Andebol, tanto a nível Nacional, como Internacional, seja Feminino ou Masculino.

Beatriz Frade

Membro da equipa desde 2020, a Beatriz é licenciada em jornalismo pela Universidade Católica. Procura construir os alicerces de uma futura carreira como jornalista desportiva, conciliando o melhor dos dois mundos: a escrita e o desporto.