Saltar para o conteúdo

EHF EURO FEMININO : Noruega é a primeira semifinalista

EHF EURO FEMININO : Noruega é a primeira semifinalista
Image by: Kolektiffimages

Ao terceiro dia do main round do EHF Euro feminino, a Noruega é a primeira equipa a garantir, matematicamente, o seu lugar nas semifinais, após vencer a Croácia. Com a vitória da Alemanha sobre a Hungria o segundo lugar do grupo II continua em  aberto.

Hungria 25 – 32 Alemanha 

A Alemanha não facilitou contra a Hungria e garantiu a segunda vitória na competição por 32-25. A Hungria foi eliminada da disputa das semifinais.

O conjunto Húngaro de quem se  esperava uma resposta, viu a equipa alemã ganhar uma vantagem de 2-0 no início do jogo.  A Hungria ainda empatou mas ao minuto oito da partida, a Alemanha impulsionada pelo pivô Antje Lauenroth, passou para a liderança, e não mais a perdeu.

Nos últimos minutos da primeira parte,  Melinda Szikora ia mantendo a Hungria dentro da partida, permitindo que a Alemanha marcasse apenas por duas vezes e as húngaras iam assim  diminuindo  a diferença no marcador. Ao intervalo o marcador assinalava uma vantagem de dois golos, 11-13.

Na segunda parte o jogo a Alemanha não tirou o pé do acelerador e distanciou-se com um parcial de 6-0, o que obrigou a Hungria a correr contra o tempo.

Destaque para Katrin Klujber e Szandra Szöllősi-Zácsik ambas oito golos na segunda parte.A Alemanha assumiu o controlo da partida e selou uma vitória sólida por sete golos.

EHF EURO FEMININO : Noruega é a primeira semifinalista
Image by: Kolektiffimages

Croácia 25 – 36 Noruega

A Noruega conquistou a primeira vaga na semifinal  após uma  vitória clara sobre a Croácia por 36-25.

A Noruega entrou na partida à procura de conquistar a sua nona vaga nas semifinais. Com seus habituais contra-ataques, a inspirada Stine Oftedal, que marcou duas vezes, colocava a equipa norueguesa a liderar por 6-3 após sete minutos do apito inicial.  No fim da primeira parte, o resultado era de 14-15, a favor da Noruega.

A Croácia regressou dos balneários motivada e até assumiu a liderança. Mas a equipa nórdica contava com a motivada Henny Reistad que colocou a equipa com uma vantagem confortável de 20-26 aos 43 minutos.  A lateral-esquerda de 21 anos, acabou a partida como melhor marcadora da equipa. Muito forte a nível defensivo, a Noruega dominou até ao final da partida e impôs a primeira derrota da Croácia.

Partilha nas Redes Sociais!

Deixe um comentário





Interessado em impulsionar o Andebol?

O principal objectivo da 7M é promover o Andebol, tanto a nível Nacional, como Internacional, seja Feminino ou Masculino.

Beatriz Frade

Membro da equipa desde 2020, a Beatriz é licenciada em jornalismo pela Universidade Católica. Procura construir os alicerces de uma futura carreira como jornalista desportiva, conciliando o melhor dos dois mundos: a escrita e o desporto.